sexta-feira, 16 de maio de 2008

RESPOSTA

Hi friend,
Estou a responder-te finalmente, mas, olha que não sou como tu , tu escreves com pena e alma numa sintonia tresloucada, eu com uma caneta, sou somente o teu Max Brod, so you said ...
Guardo os rascunhos de um caderno testemunha de pensamentos desenfreados... Sou o guardião dos teus gritos silenciosos. Eu escrevo apenas...

O sal continua a arder-te nas feridas ? E o teu açúcar também desaparece com a chuva... e então? Tu és capaz de esquivar-te
bem das facas que te desafinaram a voz que eu sei... Pois, o próprio sol também te abandonou, mas sossega, nas terras de mr. River, algo melhor espera por ti, e não somente as marionetas te farão sorrir acredita, também mandas lá por aquelas bandas, ainda te devolvem a Brasileira para tua grande alegria verás !
Poupas-me assim o trabalho de roubar o tal instrumento de tortura lá no castelo da minha cidade... Com um Jack numa mão e um punhado de amigos na outra serás Corto, o marinheiro aventureiro e que parece sorrir sempre. Se quiseres, ( e é só quereres), serás o Yorke, Cave, Curtis, Constantine, Morpheus, mas sempre pagão de alma enorme e distribuidora.
A tua pena já quase não deve ter tinta a esta hora, o guerreiro frenético não pára dentro de ti e assim te vais despedindo da cidade alheia...
Caminhando contra a poeira, tens um traço sinuoso de lágrima de cada lado da cara, enxuga-as que já chega...Livra-te de te deixares de novo vampirizar, os pescoços estão caros, e é se queres a garrafa de Jack e os "cacahuetes" lá no Club Tropicana! O True Faith vai estar mais uma vez na ordem do dia ( é a minha favorita dos gajos como bem sabes ) mas gostava de viver ( e acho que tu também) à maneira do " Turn my way", claro, quem não gostaria?
Bem, amigo mantém firmes as tuas raízes seculares e não deixes cair nem uma folha do teu caderno...
Vai, vai lá ver as marionetas e depois conta-me como foi pode ser?

Até amanhã!

-I´m working!! Damn! For sake...!
"-Olha e esse ar todo a alastrar?
-Ok o ar, o ar, não precisamos dele para respirar?
- E se o partilharmos como ficamos?
-Respiramos a meias."



2 comentários:

Manuel disse...

Alma escorregadia que suavemente larga o seu perfume como se de meras pátalas naturais se tratassem..

PERFEITO..

Obrigada pelo afecto e amizade.

Beijinhos

GRAINOFSAND disse...

Obrigada também!